Sustentabilidade corporativa gera lucro?



Sustentabilidade corporativa gera lucro?Publicado por Parceiro Dino em 29 nov, 2019 - 14:50 -

29/11/2019 –

Quando se fala em desenvolvimento sustentável e gestão ambiental , uma das dúvidas mais comuns dos empresários costuma ser: “quanto a mais isso vai me custar?’. Entretanto, neste contexto, essa mentalidade deve seguir exatamente o sentido contrário: “o que é possível fazer para criar uma proposta de valor que seja percebida pelo consumidor e que, consequentemente, me gere mais lucro?”.

Afinal, a sustentabilidade não se contrapõe ao lucro, tampouco significa a prática de filantropia. É uma obrigação de impacto social e uma necessidade de mercado, que mais do que nunca exige posturas éticas, transparentes e responsáveis social, cultural, econômica e ambientalmente.

Uma nova realidade mundial

Hoje, o vetor determinante para o sucesso de grandes, médias e até mesmo de pequenas empresas, é que os ganhos caminhem junto com os benefícios gerados para a sociedade, especialmente onde elas desenvolvem as suas atividades. Assim, o lucro passa a ser encarado como uma recompensa pela contribuição à promoção do bem comum.

E, quando isso acontece, certamente o negócio se torna muito mais lembrado, admirado e duradouro. Afinal, as empresas agregam valor às suas iniciativas e podem, inclusive, ganhar não apenas novos investimentos, mas também foco dos gestores e atenção para ações mais emblemáticas.

Isso é sustentabilidade corporativa. É encará-la não apenas como um mero “anexo”, mas como parte intrínseca da estratégia do negócio. E em um cenário mundial cada vez mais conectado e interdependente, as empresas que não se incorporam a essa realidade estão fadadas à falência, sob o risco dos negócios perderem competitividade frente a concorrentes preparados para atender às demandas dos mercados por uma produção mais limpa e socialmente justa.

Portanto, a sustentabilidade não é um custo, mas sim um investimento que gera ótimos retornos de médio e longo prazos e notáveis (e duradouros) benefícios em reputação e competitividade.

A mudança de perfil dos consumidores

Vários acontecimentos recentes provaram que a busca pela transparência de informações é uma realidade cada vez mais presente: o consumidor está cada vez mais atento a empresas envolvidas em escândalos, inclusive os ambientais. O cliente já não se orienta somente pelo preço do produto, mas também por tantas outras questões sobre seu processo produtivo e gestão ambiental da cadeia de suprimentos.

E não somente ele: o governo e a mídia também. Problemas ocorridos durante o processo de fabricação, distribuição, consumo e pós-consumo, que venham a prejudicar o meio ambiente, em poucos minutos são noticiados em diversos países, indo ao conhecimento de milhões de pessoas.

A importância de ser um negócio sustentável

Com tudo isso, não há mais dúvida de que a adoção de uma agenda de sustentabilidade é algo que veio para ficar e deverá fazer parte da visão estratégica de todas as organizações. O desafio agora é saber como incorporá-los ao dia a dia dos negócios.

Com uma estratégia personalizada, pode haver grandes reduções de custos por meio de uma gestão ambiental estratégica , valorização da empresa diante do poder público e da sociedade, aumento da possibilidade de contratos com grandes corporações e muitos outros benefícios. É o que explica Caroline Martins, consultora da Trilho Ambiental , empresa referência em consultoria ambiental e licenciamento em Minas Gerais.

“Aumentar a sustentabilidade em uma empresa significa também aumentar a sua eficiência. Grandes oportunidades de negócios surgem quando as pessoas começam a pensar em outras maneiras de resolver antigos problemas. Uma empresa que continue a operar da mesma forma que sempre operou e ignore todas as mudanças que estão ocorrendo nessa transformação para uma sociedade mais sustentável possui uma grande possibilidade de desaparecer. Cabe então aos empresários estarem atentos às mudanças ao redor e estarem sempre inovando e se adaptando à nova realidade”, pontua.

E não é só no aspecto econômico que isso faz toda a diferença. Em questões sociais, os ganhos podem estar na relação ética com consumidores e fornecedores, em participar de forma cidadã nas comunidades que são impactadas pelo negócio e em utilizar a publicidade não apenas para vender produtos e serviços, mas também para reforçar boas práticas e cidadania.

É crucial que os empreendedores levem em conta como afetam o meio ambiente, a sociedade e a economia em que vivem. Tanto para garantir a própria sobrevivência quanto o melhor futuro para todos.

Ajuda para ser mais sustentável

O mais importante é que cada empresa encontre suas próprias soluções, levando em conta as características que a fazem única. E uma solução para compreender onde esses conceitos se encaixam dentro da organização é contar com os serviços de uma boa consultoria ambiental .

Alguns exemplos que podem ser estudados e implantados com o apoio de um serviço especializado são:

• Economia Circular: verificação do ciclo de vida de produtos ou serviços e revisão de todas as etapas do processo de fabricação ou criação até a entrega nas mãos do cliente, para descobrir onde é possível reduzir, reutilizar, recuperar e reciclar materiais e energia.

• Logística reversa: viabilização de coleta e restituição de resíduos sólidos para reaproveitamento, em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação final ambientalmente adequada.

• Uso eficiente de água: instalação de novas tecnologias, como arejadores nas torneiras, e análise do modo de fabricação do produto ou prestação de serviço para encontrar novas formas de reduzir o consumo e os custos.

• Uso eficiente de energia: otimização do uso da iluminação natural e elaboração de estratégias para deixar o ambiente mais fresco, gastando menos com ar-condicionado, por exemplo.

E isso não é nem o começo. Com um serviço de gestão ambiental as empresas podem aumentar sua lucratividade não apenas baseadas em ganhos de escala, mas eliminando ineficiências no processo fabril e permitindo o uso de recursos naturais de forma otimizada.

Website: https://www.trilhoambiental.org/

Artigos Relacionados