Sandro Borges, o Gogo Boy que encantou Vera Fischer

Ele , cresceu e se tornou empresário

               Sandro Borges, o Gogo Boy que encantou Vera FischerPublicado, 3 maio, 2019 - 15:20 por Redação BR

Acredite se quiser, mas tudo começou com uma aposta na praia com amigos. O até então professor de jiu-jitsu Sandro Borges, depois de receber um panfleto e ser desafiado por um casal de amigos a dança em um clube das mulheres por uma caixa de cerveja, se encantou com todo o espetáculo e ali podemos dizer que encontrou mais que uma profissão.

Logo de primeira Sandro passou no teste e dessa brincadeira, ficou um mês dançando até que por conta das aulas de jiu-jitsu passou um ano em Minas e ai acabou parando de dançar. Na sua volta para a Cidade Maravilhosa, trabalhando como motorista, algumas pessoas a sua volta diziam que o rapaz tinha jeito para a dança e que precisava encontrar um local onde pudesse exercer esse dom. Como o destino muitas vezes já tem tudo programa, Sandro mais uma vez recebe um panfleto de uma casa e decidi ir até o local. Por grande coincidência, eram as mesmas pessoas com quem ele dançou aquele mês, antes de ir para Minas. Com muita alegria e festa ele foi recebido, afinal o novato tinha voltado.

Daí em diante ele não parou mais, começou a ser indicado para vários locais pelo seu ótimo trabalho e em oito mesmo ele já era capa de revista. Depois de sair nu na capa da Homens, Sandro começou a viajar todos o Brasil dançando, fazendo festas particulares e com muito trabalho ele rodou mais de quinze Estados. Inclusive iniciou constantes apresentações na boate Le Boy, muito consagrada na época.

Com toda essa fama, em 2005 ele foi selecionado para participar do aniversário da atriz Vera Fischer, que vivia um grande momento de sua carreira. Durante a festa ficou visível como a atriz se encantou com o Sandro, por este motivo muitas fotos dos dois saíram em grandes revistas como Caras, Contigo, Quem e Vogue. Esse evento acabou lhe rendendo uma capa de revista falando sobre a repercussão da festa e não só a capa, mas também durante o lançamento da mesma, o dono de uma agência de GoGo Boys em Paris também se encontrou com o trabalho do dançarino. Logo em sequência um convite para passar três meses dançando em Paris e lá estando Sandro não se limitou somente a Cidade Luz, mas também dançou em Amsterdã, Bélgica Tunísia entre outros locais. A carreira internacional não parou por aí, depois do breve retorno ao Brasil, um novo convite para dançar em Madrid, o levou para mais lugares como, por exemplo Chile, Itália e Angola, aparecendo até um calendário na Alemanha. Esta carreira segue até os dias de hoje, ano passado sua última turnê foi em Miami.

Leia Também  Vaidoso, Caique Aguiar brinca com o estilo

Veja alguns clipping da carreira de Sandro:

Mesmo com toda essa carreira internacional, Sandro ainda estava presente nas telinhas e com certeza você já o viu em algum programa, ele já participou de programas como Jô Soares, Lady Night e tão conhecido Amor&Sexo. Nas telonas ele apareceu no longa De Pernas pro Ar 1.

O que diferencia Sandro de outros profissionais, é sua visão para o empreendedorismo. Experiente em treinar outros Gogo Boys, afinal Sandro Borges é o líder do entretenimento e comanda os maiores Gogo Dancers e Strippers já consagrados do Brasil, na Rio Gogo, ele vai além. Esse mês Sandro está abrindo um Clube das Mulheres, em Copacabana, tendo como referência clubes em Miami, o clube irá contar com vários diferenciais, incluindo um money fake, um dinheiro personalizado da agência Rio Gogo, para as mulheres poderem se divertir jogando dinheiro no palco ou até mesmo colocando na sunga dos dançarinos. A casa também contará com Lap Dance exclusivas, e espetáculos em grupo como podemos assistir no filme Magic Mike.

São dezoito anos de muita experiência, trabalho e suor no mundo do entretenimento adulto. Sandro Borges é um grande exemplo para todos os Strippers e dançarinos que querem seguir uma carreira de sucesso na área. Exclusivo para mulheres, o clube inaugura dia 07 de maio na Rua Siqueira Campos, 202 – Copacabana dás 17h às 23h.

Matéria: Mariane Barcelos