Rodrigo Teixeira prestigia feijoada da Mangueira


Escola Campeã de 2019 é terceira e desfilar na Sapucaí, neste domingo de Carnaval

Rodrigo Teixeira prestigia feijoada da MangueiraPublicado por Vanessa Haddad em 22 fev, 2020 - 18:42 - Divulgação

A tradicional Feijoada Oficial da Mangueira 2020 balançou os salões do elegante hotel Vila Galé, na Lapa, região Central do Rio de Janeiro e recebeu foliões, hóspedes e figuras do Carnaval. Rodrigo Teixeira compareceu com um look especial assinado pelo Ateliê Bonifácio.

“Como dizer não a um convite da minha Estação Primeira. A Mangueira é meu orgulho. Em casa são duas paixões: a Mangueira e o Botafogo”, disse o jornalista.

O cardápio especial da feijoada e doces portugueses foi assinado pelo chefe Ribamar Braga.

“Montamos uma estrutura para 250 pessoas. Algo exclusivo
Para nossos hóspedes e convidados. Depois da feijoada, muito samba com o Grupo Só Damas e com a bateria da Mangueira”, explica Fernanda Santos, gerente geral do hotel Vila Galé Rio de Janeiro.

A rainha Evelyn Bastos chegou ao lado do
Marido Marcelo Coutinho e falou da espectativa sobre defender as cores verde e rosa a frente da bateria.

“Estou tranquila. Fico ansiosa quando acordo no dia. Tenho certeza que vai dar tudo certo mais uma vez. É um desfile muito bonito, muito tocante, emocionante. Qureremos passar uma mensagem de amor para todas as pessoas”, diz a rainha.

“Estamos na reta final. E o momento muito tenso. O quesito avenida é decisivo. Nosso enredo fala de Jesus. Estamos preparados, fantasias entregues e ensaiados. A disputa é quisito e décimo por décimo e, com todo respeito àa coirmãs quem sabe não trazelosmo bicampeonato?”, comenta o presidente da agremiação, Elis Riche.

Componentes já começam a preparação.

“É a melhor possível. A escola preparou um grande desfile e tem trabalhado muito e a a gente quer colocar em prática tudo o que treinamos nesses últimos meses, diz a primeira porta-bandeira da Estação Primeira de Mangueira, Squel Vieira, que chegou acompanhada de Matheus Olivério, o primeiro mestre-sala da escola.

“É uma emoção muito forte e representantar a Mangueira e essa comunidade toda é uma responsabilidade muito grande. Agora, é a hora de abrilhantar a nação mangueirense e também aproveitar a folia. É Carnaval”, afirma Olivério.

Chacal do Sax colou a galera pra dançar com um pout pourri de marchinhas de Carnaval.

“Mais um ano aqui na Feijoada da Mangueira, que é a cara do Rio”, que trouxe a esposa Ingrid Milagre e a filha Luísa, de um aninho.