Pedro Scooby fala sobre acidente surfando em Portugal



Pedro Scooby fala sobre acidente surfando em PortugalPublicado por Redação BR em 13 nov, 2019 - 16:15 - Foto: Divulgação

Pedro Scooby, ex de Anitta e de Luana Piovani, com quem tem três filhos, é um dos participantes de um campeonato de ondas gigantes em Nazaré, uma vila em Portugal, e sofreu um acidente grave na terça-feira, dia 12. Um amigo dele falou sobre os momentos de tensão no Instagram, e, depois, na quarta, dia 13, foi a vez de Scooby se pronunciar nos Stories:

Bom, tô vivo, tão vendo! Galera, vou começar falando que foi o pior perrengue que já passei na minha vida, disparado. Foi o mais perto da morte que já cheguei, fiquei várias ondas embaixo d’água, todo mundo me procurando, galera no rádio, conseguiram me achar depois de um tempo. Graças a Deus eu tô bem, queria avisar meus amigos, familiares que começaram a mandar mensagem, que estou bem, que está tudo certo.

Ele contou ainda que passou mal, mas foi ajudado por outro surfista, Sebastian Steudtner, que faz par com Maya Gabeira na competição:

Passei mal depois que eu saí da água. Quero agradecer muito ao Sebastian, meu anjo, foi muito especial pra mim, ele é alemão, parceiro da Maya, quando levantei ele estava mais próximo de mim. Ele que me resgatou ali, me levou pra areia, me ajudou a vomitar, me carregou até o carro e tinha um p**a equipamento no carro dele, ele me entubou ali, ele me cobriu, fiquei respirando no oxigênio uns 30 minutos, pra poder respirar bem, voltar ao normal.

             Felizmente, ele já está bem melhor:

To com o corpitcho doendo, meio quebradinho, mas tô vivo, peguei uma onda foda, depois mostro imagens. Fui perto da morte? Fui. Mas tô vivo? Tô! Vamô comemorá! Brincadeira, mas acho que é isso, problemas acontecem e a vida continua, isso me faz dar mais valor à vida.

Ele ainda deu conselho:

Galera, aproveite ao máximo a vida de vocês. A gente nunca sabe, de uma hora pra outra tudo pode acabar. Curta cada momento, ame muito, crie amigos, não inimigos. Aproveite cada momento como se fosse o último.