21/02/2019

Pedro Miranda comenta experiência no The Voice

Pedro Miranda comenta experiência no The VoicePublicado em 21 fev, 2019 - 17:12 por Rafael Correia

O jovem artista mineiro de apenas 11 anos surpreendeu a todos no esse ano ao se apresentar no palco do The Voice Kids. Durante a audição, Pedro Miranda interpretou a canção ‘Sina’ de seu ídolo Djavan e virou as 3 cadeiras: Claudia Leitte, Simone e Simaria e Carlinhos Brown.

Vale ressaltar que a carreira de Pedro Miranda conta também com passagens muito importantes pela TV, como quando interpretou Miguel na novela Carinha de Anjo do SBT. E, nos palcos, o artista interpretou o cantor Luciano no musical 2 Filhos de Francisco.

Quando foi o seu primeiro contato com a música? Acho que foi na barriga da minha mãe (risos). Ela conta que quando tava grávida, meu pai ficava colocando o som colado na barriga dela com músicas clássicas que, segundo ele, era já um inicio da musicalização. (Meu pai é músico, com ênfase em Musicalização infantil, e na época estava acabando a faculdade).

Como foi participar do “The Voice Kids” nesse ano e quais são suas expectativas daqui pra frente na competição? Foi simplesmente maravilhoso! Até difícil de descrever a emoção. Subir naquele palco era uma coisa que eu sonhava há muito tempo, e realmente aconteceu exatamente como sonhei, então imagina a minha felicidade? Bom quanto a competição, desde antes de começar minha mãe já falava que era para vermos o The Voice como uma grande diversão e aprendizado, pois estar naquele palco, com todos os artistas que amo, e ainda poder mostrar o que sei fazer para todo Brasil é uma honra. Mas é claro que quanto mais eu conseguir avançar na competição será melhor ainda, e um possível campeonato, seria perfeito.

Leia Também  O Diário de Mika estreia novo musical no teatro

O que o levou a escolher a música “Sina” do Djavan? Sabe aquela música que a primeira vez que você escuta você já gosta? Então, tenho muito isso, e Sina, foi uma dessas. Foi através dela que comecei a ouvir Djavan e fiquei super fã! Hoje gosto de várias dele. Além disso, achava bacana cantar uma musica nacional primeiro, que fala a língua de todos e Sina foi uma das músicas que cantei nas seletivas, mas para o programa foi feito um arranjo diferente que eu amei!

Durante sua apresentação, os três jurados escolheram você nas audições às cegas, porque escolheu a Claudia Leitte? Apesar de ser uma pessoa bem eclética, eu gosto muito de MPB e POP, principalmente o internacional. E apesar de ter ficado em dúvida se escolhia Claudinha ou o Brown, naquele momento deixei meu lado POP falar mais alto e resolvi escolher a Claudinha que acho que identifica melhor com esse estilo.

Além da música, o seu talento se estende também para dramaturgia. Qual a representatividade que o teatro tem na sua vida? Amo interpretar, as pessoas sempre me perguntam o que gosto mais se cantar ou interpretar, e realmente não sei responder. O teatro sempre foi uma grande paixão, minha primeira peça foi com 3 anos, acredita? Depois disso nunca mais parei. Agora Teatro Musical, pra mim é a melhor coisa de todas, porque consigo juntar as duas coisas que mais amo fazer que é cantar e interpretar. Quando estou no palco esqueço de tudo e me sinto feliz.

Leia Também  Modelos Mirins Maite Viana e Safira Galdino fotografam para grife infantil.

No SBT, você chegou a fazer o personagem Miguel em “Carinha de Anjo”, pode nos contar contar um pouco sobre sua experiência na novela? O Miguel chegou na minha vida de repente, e foi um grande presente, o personagem tinha algumas coisas parecida comigo e outras não. Mas a experiência como um todo foi maravilhosa. E se ver na TV muito legal. Aprendi milhões de coisas e aprendi também que tenho muito, mas muito para aprender.

Também como ator, temos em seu currículo o musical “2 Filhos de Francisco”, onde fez o Luciano. Existem planos para uma volta aos palcos? Como disse antes amo teatro musical, já tinha feito teste para Les Mis, e um outro em BH ainda quando tinha 7 anos ( O menino poeta), mas não tinha rolado. Então quando minha mãe me levou para 2 Filhos de Francisco, nunca imaginei que fosse passar, tinha muita gente boa, muitas duplas e eu não sabia ainda fazer segunda voz. Mas meu pai me ensinou e deu tudo certo. Guardo esse musical no coração com muito carinho. Quero fazer mais musicais sim. Já até estou de olho em um que fiquei sabendo que vai ter seleção ainda esse ano, espero que eu consiga passar né? Porque também tem muita gente boa nessa área.

Sem categoria