19/08/2019

Maurício Manieri banca o crooner em disco com ‘covers’

Maurício Manieri banca o crooner em disco com ‘covers’Publicado em 19 ago, 2019 - 13:14 por Redação BR

Cantor e compositor paulista que alcançou sucesso nacional no fim dos anos 1990, com diluição pop brazucada soul music norte-americana, Maurício Manieri iniciou em 2017 um projeto intitulado Classics.

Trata-se de trabalho voltado para regravações de sucessos românticos internacionais lançados sobretudo nas décadas de 1970 e 1980. No exterior, fórmula similar ajudou a revitalizar a carreira fonográfica de Rod Stewart nos anos 2000 – no caso do cantor escocês, com abordagens de standards da canção norte-americana – e foi seguida com menor repercussão por nomes como Barry Manilow.

Após render show de Manieri que percorre cidades do Brasil desde 2018, o projeto gera álbum também intitulado Classics e lançado na sexta-feira, 16 de agosto.

Pela foto de Manieri exposta na capa do disco, dá para perceber que o cantor investe na imagem classuda e clichê do crooner, tal como Rod Stewart.

Maurício Manieri

Maurício Manieri

Já as dez gravações do disco mostram que o cantor se limita a fazer covers sem identidade de baladas adocicadas, com interpretações e arranjos clonados das gravações originais de artistas como o já mencionado Barry Manilow – de quem Manieri revive o sucesso Mandy(Scott English e Richard Kerr, 1971), regravado em 1974 pelo cantor norte-americano – e Phil Collins, de cujo repertório autoral o croonerpaulista escolheu a balada Against all odds (Take a look at me now), hit mundial em 1984.

A seleção do álbum Classics inclui hits de Lionel Richie – Easy, balada lançada por Richie em 1977, ainda como integrante do grupo Commodores – e Air Supply, duo australiano de quem Manieri rebobina All out of love (Clive Davis e Graham Russell, 1980).

 

Divulgação