13/09/2019

Médico x Paciente: o estreitamento das relações através das redes sociais, por Karla Lessa

Médico x Paciente: o estreitamento das relações através das redes sociais, por Karla LessaPublicado em 13 set, 2019 - 17:04 por Jay Pro

A revolução tecnológica e maneira como tem sido utilizada para fins de comunicação, tornou possível uma maior proximidade entre pessoas pertencentes aos mais diversos ramos. Realidades que antes eram consideradas distintas, passaram a fazer parte do dia a dia das pessoas, especialmente através das redes sociais.

Esta interferência tem sido percebida principalmente nos meios em que questões estéticas estão envolvidas. Desta forma, o uso da internet tem exercido papel fundamental para a relação entre médicos e cirurgiões-dentistas e o paciente, por exemplo.

A dra. Karla Lessa, médica e sócia do Instituto Lessa, conhece bem esta nova oportunidade de contato entre o profissional e seus pacientes. Atualmente, a doutora é acompanhada em seu Instagram (@drakarlalessa) por mais de 80 mil pessoas e compartilha sua rotina, dicas, novidades em tratamentos estéticos e lifestyle com seus seguidores cada vez mais ativos.

Inspirada pelo amor à profissão e pelo intenso desejo de sempre desenvolver o melhor de si, Karla Lessa se dedicou aos estudos buscando as melhores notas e ampliação de seu conhecimento: “sempre sonhei em ser médica, foi uma escolha natural e que definiu os caminhos que percorri até aqui”, relata a doutora.

O Instituto Lessa é administrado pela doutora junto a seu marido e também médico, Paulo Lessa, uma unidade do ramo de medicina localizada em Vitória (ES), que engloba a prestação de serviços para o ramo da estética e spa. O reconhecimento em sua profissão foi fator motivador para que Karla Lessa continuasse seus estudos, tendo cursado especialização na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e outras 2 pós-graduações em Belo Horizonte e em São Paulo.

Embora tenha alcançado um patamar privilegiado na profissão, a doutora comenta a importância de se manter atualizada e trocar experiências médicas em workshop nos dias atuais: “são processos de evolução constante, por isso sempre busco me atualizar com o que há de mais moderno para os pacientes no Brasil e no exterior”, relata a médica.

Na próxima semana, a doutora Karla Lessa já viaja para a China e Seul- a capital da Corea do Sul, onde ficará 15 dias a estudos e em busca de mais novidades para os seus pacientes .

A aproximação dos médicos e seus pacientes através das mídias sociais é vista como algo natural pela doutora, que em 2014 passou a ajudar pessoas a partir de seu Instagram, tendo se destacado. Karla Lessa oferece dicas semanalmente em suas redes sócias, compartilhando curiosidades e dicas de beleza com seus seguidores. Apesar deste contato ser comum e esperado, a doutora expõe a importância de se preservar e respeitar questões éticas definidas: “o médico tem um código de ética nas redes sociais a ser respeitado, nem tudo é permitido e é preciso estar atento a isso”, comenta

Karla Lessa

Apesar da facilidade de acesso às informações, é fundamental a consulta com um profissional devidamente habilitado. Os conceitos contidos na internet não são suficientes para se determinar o diagnóstico de uma determinada patologia, por exemplo, e muito menos fornecem embasamento para que medicamentos ou produtos de cuidados com a pele e cabelo sejam prescritos. Outro ponto abordado pela doutora é sobre o resultado obtido nos procedimentos: “o resultado não será igual para todos, portanto, é indispensável considerar a individualidade de cada paciente”, afirma Karla Lessa.

Vivemos uma era de privilégios em relação à troca de informações, em que o conhecimento é disseminado para todos os cantos, incluindo a população leiga de maneira extraordinária. Cabe a cada um aproveitar ao máximo os conhecimentos compartilhados, sem deixar de lado outras questões fundamentais voltadas para até que ponto devemos nos deixar influenciar