Ex-companheira de Gugu Liberato deve receber pensão mensal


Após decisão da Justiça, Rose Miriam deve receber pensão milionária

Ex-companheira de Gugu Liberato deve receber pensão mensalPublicado por Redação BR em 25 jan, 2020 - 0:04 - Divulgação

Rose Miriam, ex-companheira de Gugu Liberato, deve receber uma pensão milionária.

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, a 9a Vara da Família e das Sucessões do Foro Central da Capital do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, determinou que ela tem o direito de receber R$100 mil por mês.

A definição de valor foi equivalente ao que o apresentador deixou para a mãe, Maria do Céu, de 90 anos.

Ainda segundo o noticiário, o despacho da decisão aponta que: “Satisfaz, ao menos para este momento, a equação de possibilidades do alimentante (espólio) e necessidades da alimentada”.

Pouco após a morte de Gugu, que faleceu em novembro em decorrência de um acidente doméstico, Rose entrou na Justiça para o reconhecimento de sua união com o artista. Os dois estavam juntos há 20 anos, mas nunca oficializaram a união.

Vale lembrar que a fortuna de Gugu foi dividida em duas partes: metade, obrigatoriamente, vai para os três filhos que teve com a médica, João AugustoMarina e Sofia; e a outra metade seria dividida entre eles e os sobrinhos de Liberato.

Se Rose vencer a disputa judicial, ela se tornará herdeira e essa divisão será afetada.