Ex Panicat Tânia Oliveira e Cintia Mello curtem último ensaio do Carnaval SP



Ex Panicat Tânia Oliveira e Cintia Mello curtem último ensaio do Carnaval SPPublicado por Redação BR em 16 fev, 2020 - 21:04 - Fotos:  João Belli / Renato Cipriano - Divulgação

Faltando exatamente uma semana para o início dos desfiles das escolas de samba do carnaval paulistano, na noite deste sábado (15), a Escola de Samba Acadêmicos do Tucuruvi, abriu as portas de sua quadra social, situada no bairro da Vila Mazzei, na zona norte paulistana, para a realização do último ensaio geral antes do desfile oficial.    

Em busca do retorno para o Grupo Especial do carnaval paulistano, a agremiação que é Presidida pelo Sr.Jamil Elselam, recebeu os componentes de sua comunidade, onde juntos realizaram uma prévia do que pretendem levar para o Sambódromo do Anhembi durante o carnaval, e devido a quadra estar literalmente lotada, a direção acabou saindo com todo o seu elenco para a rua onde finalizaram o ensaio do lado de fora ao ar livre.  

Entre os destaques da noite, estava a Madrinha de Bateria, a ex Panicat e apresentadora Tânia Oliveira (41 anos), que optou para a ocasião por um look composto por um body prata todo trabalhado na pedraria, e um curto shorts jeans despachado, deixando a mostra as pernas torneadas da beldade.

Outro destaque ficou por conta da Rainha de Bateria Cintia Mello (32 anos), professora de dança e bailarina que integra o ballet do Programa do Ratinho no SBT, a qual optou por um look todo dourado, composto por um top e uma micro saia, que deixava as pernas torneada a mostra, enquanto a beldade sambava com muita graciosidade a frente dos ritmistas. 

A dupla integra a Corte de Bateria do Zaca, e as duas beldades desfilarão a frente da Bateria do Zaca, comandada por Mestre Serginho, o qual fizeram questão de posar ao lado do comandante e brincar que ele é o general da bateria.

Apesar de estar completando o seu vigésimo carnaval, Tânia está estreando na agremiação e a loirinha irá desfilar pela primeira vez ao lado da Rainha Cintia, que por sua vez está indo para o seu quinto ano consecutivo desfilando à frente da bateria do Tucuruvi, porém a morena revelou que sempre fez parte da folia de momo, e contou aos risos que o seu primeiro desfile foi dentro da barriga de sua mãe, a qual é sambista até a atualidade, e desde então sempre seguiu os passos de seus pais e não parou até hoje.

Outro grande destaque do ensaio, ficou para um grupo de modelos masculinos e femininos, que são Misses e Mister e irão abrilhantar o carro abre alas da escola, durante o desfile da escola, com um grupo contendo ao total 30 componentes, que virão com um figurino bem curtinho, interagindo com o público presente no sambódromo.

Para o Carnaval de 2020 a agremiação do Tucuruvi anunciou que todas as fantasias de alas serão gratuitas, e os componentes terão que pagar apenas pela camiseta da ala para participar dos ensaios, a qual terá o custo simbólico de R$ 39,99.

O Zaca como é conhecido a agremiação carinhosamente entre os sambistas, levará para o Sambódromo do Anhembi uma grande homenagem ao saudoso humorista Chico Anysio, através do enredo “Faces de Anysio, o eterno Chico. Sorrir é… e sempre será o melhor remédio”, e será a sexta agremiação a se apresentar no Grupo de Acesso, no domingo de carnaval, dia 23 de fevereiro.  

Este slideshow necessita de JavaScript.