12/08/2018

Economia colaborativa e afetiva: tendência e realidade

Economia colaborativa e afetiva: tendência e realidade

A economia colaborativa é uma maneira inovadora de fazer negócios trocando talentos e serviços, economizando, promovendo a sustentabilidade, estreitando relacionamentos e criando oportunidades de mercado.

Um novo jeito de fazer negócios vem chamando a atenção e aumentando a cada dia no país e é por meio da economia colaborativa. Esse formato, no qual a moeda não é uma troca convencional, conecta pessoas ou empresas que podem oferecer o que o outro necessita.

Atualmente, diante do cenário de transformação das relações de consumo, sai na frente aquele que tem um olhar criativo e consegue enxergar oportunidades na crise. A economia colaborativa e afetiva contribui para que isso aconteça.

O conceito é simples: “Em primeiro lugar estar aberto para sentir, em seguida, disposto a colaborar com o outro através de seus talentos”, diz Regina Watson, fundadora do grupo Escambo de Luxo, pioneiro em economia colaborativa no Brasil.

Regina Watson criou o grupo em 1990, em São Paulo. Inicialmente, as reuniões eram presenciais, com participantes das áreas de comunicação, cultura, ciências sociais e empresários.
As reuniões aconteciam na maioria das vezes em forma de pequenos jantares em sua casa, como alternativa para estreitar relacionamentos mais seguros e confiáveis.
A partir daí, consequentemente, o grupo foi se propagando e disseminando para outras tecnologias, passando pelo fax, e-mail, orkut e migrando para o Facebook, onde continua ativo até hoje e segue em busca de investidores para atuarem por meio de uma plataforma.
A rede colaborativa Escambo de Luxo conta com quase 12.000 pessoas selecionadas dentro do Facebook e somente madrinhas ou padrinhos podem indicar novos membros.
Regina idealizou o grupo apostando sempre na contribuição de sanar a dor do outro em primeiro lugar e, consequentemente, os negócios acabavam sendo gerados, ora por conta de reputação e referências, ora por afinidade imediata nos posts. As trocas não são medidas por valor, tempo ou graduação. Esse é o grande diferencial da rede afetiva e genuinamente colaborativa.

Para divulgar, propagar e exercitar o tema, o grupo Escambo de Luxo promove no dia 15 de agosto, na ESPM, em São Paulo, o II Fórum de Economia Colaborativa e Afetiva na Prática.
O evento busca disseminar a cultura de doação e colaboração, inspirando com histórias reais de pessoas que doaram e receberam afetividade, e geraram negócios doando ou trocando seus talentos e serviços de maneira inovadora. A entrada é gratuita.

SERVIÇO

II Fórum de Economia Colaborativa e Afetiva na Prática

Cronograma:
l) Painel no formato tradicional de conferência
ll) Painel no formato desconferência
lll) Momento conexão

*14:00 – Início do credenciamento presencial
*14:15 – Abertura da lista de espera dos pré-inscritos presencial
*14:30 – Abertura do evento
*15:00 – Início Painel l  – Conferência
*16:30 – Coffee break
*16h45 – Início Painel II – A caminho da desconferência
*18:20 – Início Painel lll – Conexão 360º  (com coffee break)
*19:30 – Encerramento

Leia Tambem  Thomaz Costa apadrinha Ação Beneficente na semana da criança

Acesse o evento no Facebook:
https://www.facebook.com/events/216669959051941/
Contatos:
E-mail: escambodeluxo@gmail.com
WhatsApp: (11) 9952-44424

II Fórum de Economia Afetiva e Colaborativa na Prática - Imagem Divulgação

II Fórum de Economia Afetiva e Colaborativa na Prática – Imagem Divulgação

 

Sobre o grupo Escambo de Luxo:

A Rede de economia afetiva e colaborativa, Escambo de Luxo, desenvolveu um modelo igualitário, sustentável e integrado. Almeja a construção de uma plataforma sólida e consistente, com soluções diante as dificuldades econômicas e crise atual.

Contando com inovações e visões empreendedoras, desenvolveu novas soluções, desenhou um modelo de negócios lucrativo, com monetização, validação de usuários, criptomoedas e escala.
Está pronta para tornar-se uma start-up, em fase de captação de recursos e buscando por investidores.

Trata-se de uma rede universal de pessoas do bem, afetiva, capaz de ressignificar vidas por meio de talentos onde a velha economia não é capaz de quantificar em valores ou qualificar de maneira acadêmica, usando a moeda afetiva como instrumento de empoderamento e transformação social.

É uma forma simples e efetiva de fomentar ainda mais negócios, estreitar relações duradouras e confiáveis.


Sobre Regina Watson:

Regina Watson - Foto Divulgação

Regina Watson – Foto Divulgação

Regina Watson é formada em Jornalismo, Publicidade & Propaganda, Relações Públicas, Educação Física e se pós graduou em Comunicação voltada para o Terceiro Setor. Fez vários cursos de extensão na área de Marketing, Comunicação e atividades físicas.

Foi bailarina clássica no Brasil e Europa onde viveu uma longa temporada. Ao retornar ao Brasil resolveu abrir a primeira escola particular de ballet clássico profissionalizante voltada para o terceiro setor, a Escola Paulista de Dança. Também desenvolveu atividades para crianças em uma grande rede de academias do Brasil, além de apresentar o telejornal Rural, transmitido pela Bandeirantes.

Atualmente trabalha como fomentadora e facilitadora de negócios através de rodadas negociadoras, faz por paixão captação de recursos para os amigos, é gestora do grupo de trocas de serviços e talentos Escambo de Luxo, grava na Green FM para o programa Regina Watson, investiga o Planeta, administradora de redes sociais, dá apoio ao novo empreendedor, é locutora e dubladora, criadora de eventos inusitados, grava material para o canal do YouTube “Mulheres Acima de 50 pelo mundo”, entre outros.

Ainda consegue tempo para abraçar projetos inovadores na área da educação, saúde, envelhecimento, comunicação e ser mãe de três filhos.

Veja imagens do evento anterior:

 

Por Cínthia Souto

 

Siga o EGOBRAZIL: @egobrazil

Siga a Colunista: @cinthiasouto

 

Leia também: SENAC promove atividades gratuitas com presença de personalidades