28/07/2018

Badin, o Whinderson Nunes do Sul do Brasil

Badin, o Whinderson Nunes do Sul do BrasilPublicado em 28 jul, 2018 - 12:19 por Redação BR

Ele tem 26 anos, é do Rio Grande do Sul e trocou há três anos a carreira de engenheiro mecânico pela de humorista. O “Caipira” Eduardo Christ, mais conhecido como “Badin”, segue os passos do Youtuber e humorista Whinderson Nunes no humor e vem fazendo sucesso na internet com seu jeito típico de menino do interior. Seus vídeos têm mais de 300 milhões de visualizações na internet, e ele viaja o país com o espetáculo “Badi, o Colono”, já assistido por mais de 300 mil pessoas.

Eduardo faz mais de 25 apresentações por mês, com cachê que gira hoje em torno de R$ 15 mil por apresentação. Nada mal para quem antes trabalhava como engenheiro mecânico de desenvolvimento em uma empresa de carrocerias de ônibus na cidade de Erechim (RS), onde ele mora, e ganhava o salário de R$ 4,9 mil.

Badin morou no sítio até os 6 anos de idade, quando os pais do humorista se mudaram com ele e os dois irmãos mais velhos para uma casa em Erechim, cidade de 103 mil habitantes no norte do Rio Grande do Sul. O sítio que serve de cenário para os vídeos que ele grava pertence a um tio do humorista.

Com o dinheiro dos shows, Badin já trocou de carro e está juntando uma quantia para comprar uma casa. No início da carreira de humorista, o cachê dele era de R$ 500.

Leia Também  Nail Desingner Marcia Câmara Com Referência internacional prepara profissionais no Brasil

A carreira no humor começou por acaso, quando um áudio feito por ele falando sobre situações da cidade onde mora viralizou. Uma rádio da cidade executou ao vivo o áudio, e Eduardo então ligou, se identificou e ficou sete minutos no ar falando com o locutor. Desde então, começou a fazer sucesso e agora quer conquistar o Brasil.

 



 

Divulgação / AD

Sem categoria