Após ameaça de morte, Anitta vive momento difícil com Madonna

Após ameaça de morte, Anitta vive momento difícil com MadonnaPublicado em 19 abr, 2019 - 17:36 por Redação BR

Uma das cantoras mais aclamadas do Brasil, Anitta vive uma excelente fase em sua carreira musical. Além de ter lançado seu novo álbum de trabalho, Kisses, em parceria com grandes nomes como Snoop Dogg e Ludmilla, a funkeira acabou recebendo um convite ilustre de Madonna para uma música juntas. Elas estarão cantarão em português o funk “Faz Gostoso”. No entanto, na vida nem tudo são momentos bons. Acontece que a carioca tem passado por um momento difícil por conta das ofensas e ameaças de morte sofridas por seu cachorro de estimação, Plínio.

[sociallocker id=68875]

Durante entrevista concedida para Leo Dias, do UOL, Anitta acabou abordando diversos assuntos. A cantora revelou o desejo de se apresentar com Snoop Dogg. “Espero que sim. Estive com o Snoop Dogg e ele me pediu para vir ao Brasil em uma determinada ocasião. Espero que dê tudo certo e a gente consiga si unir os três no palco. Mas não será no Rock in Rio”, disse ela. Quando o assunto foi a parceria com Madonna, ela entregou a reação que teve ao ouvir pela primeira vez a música depois de gravada.

Leia Também  Otto, conhece Zoe, de Sabrina Sato e Duda Nagle

“Chorei muito. Era um choro para tudo. Uma emoção por milhares de motivos. Primeiro por estar com ela, ser reconhecida e ter sido convidada. Segundo por ser uma música em português. E terceiro por ser um funk. Isso representa muito. Muitas pessoas do movimento funk irão se beneficiar comigo”, disse a brasileira, que contou ainda que Madonna se arriscou no Português e chegou a pedir ajuda quando tropeçasse em algumas palavras. A funkeira, claro, se mostrou prestativa a Rainha do Pop’ mundial.

“Canta [português] e eu tive que treiná-la, risos. Ela está morando em Portugal, mas é diferente. Tive que estar lá no momento que ela gravava para dizer: ‘Ó, essa palavra pronuncia assim ou assado’. E era horrível. Ela me falava: ‘Se eu fizer errado me corrige’. E eu pensava: ‘Como é que vou corrigir essa mulher?’. Foi tenso, mas incrível”, disse ela. Sobre o convite: “Estava nos Estados Unidos na casa de uma amiga. Não achei que era trote só porque foi uma chamada de vídeo, mas, com certeza, fiquei no chão. Fingi tranquilidade, mas estava de verdade nervosíssima. Quando desligou eu me joguei no chão e gritei”. 

A cantora aproveitou para falar sobre as ofensas sofridas por seu cachorro.  circulando na web na noite de terça-feira, 16, em que duas pessoas desejavam matar Plínio. “Desse cachorro eu não tenho pena, espancaria até morrer. Imagina que satisfatório ver ele aos berros e correndo enquanto eu corro atrás dele batendo cada vez mais forte”, disse o internauta.  Questionada sobre o assunto, Anitta disparou: “É a internet, né? Nem dou relevância. Ainda bem que meu cachorro não entende nada, ele segue a vida e eu também”.

Divulgação / Foto: Web

Leia Também  Paulista no samba, Tatiane Minerato é a nova musa da Vila

[/sociallocker]