“Duplo Etéreo” apresenta a temática da esquizofrenia inserida em complexos conflitos familiares envolvendo crimes e desejos proibidos. A peça narra à história de dois jovens irmãos que têm as suas vidas transformadas em um drama psicológico devido aos medos e culpas presentes em suas relações.

Do confronto dessas duas personagens a peça estabelece um duelo contundente, misterioso, emocionante e cruel, fundamental em tempos de violência à dignidade humana e de uma sociedade muitas vezes omissa e indiferente.

A esquizofrenia é caracterizada pela perda do contato do indivíduo com a realidade. No mundo, a cada 100 pessoas, uma desenvolve a esquizofrenia e no Brasil, são mais de dois milhões de pessoas com a doença. O portador da esquizofrenia possui dificuldade em diagnosticar a doença e precisa de ajuda. A esquizofrenia pode ser tratada e o portador reinserido na sociedade, porém, se não tratada, a esquizofrenia pode matar. Esses são os principais motivos que levam a Atores Associados a discutir o tema da Esquizofrenia no palco.

Este espetáculo foi premiado em Belo Horizonte em 2011 e promoveu vários debates envolvendo inclusive um grupo de psiquiatras argentinos que foram assisti-lo em Belo Horizonte.

O espetáculo possui cenas de nudez masculina.

Ficha Técnica

Elenco: Gabriel Amaral e Fabiana Gois

Autor: Sebastião Bicalho

Produtor: Gabriel Amaral e Atores Associados

Direção: Fernando Couto e Dhan Marcell

Cenografia: Fernando Couto

Fotografia: Matheus Soriedem

Figurino: Marília Biscaíno

Iluminação: Caio Cézar

Som: Fernando Couto

Assessoria de Imprensa: Julyana Caldas – JC Assessoria de Imprensa

Arte: Todo Cultura

Serviço

Local: Casa de Cultura Laura Alvim – Ipanema – Rio de Janeiro

Temporada: 09/01/2018 a 31/01/2018

Terças e Quartas às 20h

Gênero: Drama

Valores: R$ 40,00 inteira /R$20,00 meia

Lista Amiga e atores que apresentarem DRT pagam o valor da meia: R$20,00

Duração: 50 min

Classificação: 16 anos

 

Julyana Caldas

JC Assessoria de Imprensa