Vencedor poderá ganhar R$ 200 em consumação para gastar durante o ano todo

Por Dione Alves

Neste sábado, 14 de julho, acontece na Hamburgueria Black Lab Sandwich Shop, em American/SP um evento especial para celebrar o primeiro aniversário da marca. Além de discotecagem e declamação de poesia, será promovido o 1º Campeonato de Devoradores de Hambúrguer do Black Lab.

Ao todo, cinco competidores serão selecionados para devorar as verdadeiras “joias gastronômicas” formadas de pão, carne e queijo da marca. Quem vencer leva R$ 200 em consumação para gastar durante o ano todo, um troféu e ainda vai ter sua foto no Hall da Fama do Black.

Regulamento do concurso

A competição acontece da seguinte forma: os cinco escolhidos terão 5 minutos para devorar o lanche. Quem cumprir o prazo terá 3 minutos para descansar e segue para o próximo round. Até sobrar apenas um devorador na mesa. “A ideia é manter esta competição anual do Black para que todos os anos as pessoas se preparem para serem devoradores”, explica o empresário e fundador do Black Lab, Bruno Cortez.

Ainda durante todo o dia de hoje, o cardápio será único: apenas hambúrguer de pão, carne, queijo e bacon. “É um lanche que não tem no menu, mas quem conhece vem, pede e a gente faz”, comenta Cortez. No dia do evento, o lanche vai ter o preço único de R$ 20. Para beber, chopp Cevada Pura, de Piracicaba. Enquanto o desafio não rola – atração master do evento -, o pessoal curtirá muito rap e bluzz com DJ convidado e declamação de poesia raiz. O Mic ficará aberto também para quem quiser soltar o verbo e o papo reto em tom de verso e prosa. A participação é gratuita.

Realização

Apesar de ter a certeza de que a hamburgueria seria o sustento da sua vida, Cortez conta que nunca imaginou que chegaria tão longe de uma forma tão rápida. Por mês, a marca vende mais de 1,7 mil hambúrgueres, faturando mais de 500 mil reais por ano.

“A ideia era vender 25 lanches por dia. No começo era eu, meu irmão, minha mãe e meu pai. Com dois dias de casa aberta, precisei contratar o primeiro funcionário. Com seis meses, estávamos em 7. Agora, com quase um ano, somos em 9 pessoas trabalhando semanalmente, inclusive um chefe de cozinha – Denis Vanitelli – que controla a qualidade do hambúrguer do Black Lab, para nunca sair do padrão que criei quando abrirmos”, explica.

A ideia de vender hambúrguer foi uma resposta à depressão, que o assolava na época. Tirando forças de não sabe onde, começou aos poucos criando suas receitas e seu truck. Colocava tudo no Facebook e, assim, envolveu todos os amigos e o público de Americana em suas conquistas. Um dos textos no qual ele relata sua trajetória teve mais de 800 curtidas, 280 comentários e 43 compartilhamentos, chegando até mesmo em outro estado. “Teve um cara de Minas que viu o texto que alguém compartilhou, estava em depressão, conseguiu superar, veio aqui só para me conhecer e comer o lanche e voltou no dia seguinte pra Minas. Cara, pra mim isso já é a resposta de que eu estou no caminho certo”.

O sucesso da marca tem atraído pessoas de outras cidades para frequentar a casa e também o interesse de investidores em abrir franquias. Tudo isso é resultado de um hambúrguer feito com os melhores ingredientes e muito amor.

O Black Lab fica na Avenida Abdo Najar, 988, Americana. Aberto de terça-feira a domingo, das 19h às 23h. Aceita os cartões visa, master, elo e beblüe.