25/05/2018

Campinas terá 1º simulado noturno de atendimento a múltiplas vítimas

Campinas terá 1º simulado noturno de atendimento a múltiplas vítimas

Campinas terá, pela primeira vez, um simulado de ocorrência de trânsito noturno.

 

A 4ª edição do Simulado Nacional de Atendimento a Múltiplas Vítimas será no próximo dia 29, às 20h, abaixo do Viaduto Laurão. A ação, organizada pela SBAIT (Sociedade Brasileira de Atendimento Integrado ao Traumatizado), com o apoio e a participação de várias instituições, faz parte das comemorações do Maio Amarelo e tem como objetivo, além de treinar as equipes envolvidas, conscientizar a população sobre o alto número de mortes do trânsito.

Evento, em comemoração ao Maio Amarelo, vai reunir diversas instituições; a cena da ocorrência será no Viaduto Laurão 

O simulado terá como cena a queda de um carro do viaduto, em cima de pedestres, seguida por uma colisão de motocicleta e por uma queda de ciclista na ciclovia. No total, serão 15 vítimas, divididas por gravidade: 1 preta (morte), 3 vermelhas (graves), 5 amarelas (ferimentos moderados) e 6 verdes (ferimentos leves). A triagem dessas vítimas será feita pelas equipes de resgate, como acontece em uma situação real. O estado de saúde delas será passado ao socorrista por um “sombra”, pessoa que fica junto à vítima, com todas as suas informações, como, por exemplo, se está consciente ou não, se tem alguma dificuldade para se mexer, etc. Essas informações são fundamentais para que o profissional responsável por seu atendimento saiba como agir.

 “Neste ano, escolhemos fazer o simulado à noite para mudar o cenário dos anos anteriores e proporcionar uma nova experiência a todos os envolvidos. Não temos conhecimento de outro simulado noturno no Brasil”, explica Thiago Calderan, representante da SBAIT e um dos organizadores do evento de Campinas.

“Essa ação conjunta e coordenada é muito importante, principalmente como preparação para o atendimento de casos reais. Além disso, chama a atenção de quem passa pelo local. O impacto de ver a situação como sendo verdadeira desperta a conscientização sobre a importância de se ter atitudes seguras no trânsito”, destaca o secretário de Transportes e presidente da Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), Carlos José Barreiro. 

Para a realização de um simulado deste porte, são envolvidas dezenas de pessoas e corporações. Além da SBAIT e da EMDEC, estarão o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, GRAU (Grupo de Resgate e Atendimento a Urgências), Polícia Militar, Guarda Municipal, Liga do Trauma da Unicamp, SMCC (Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas) e concessionária Rota das Bandeiras, Ligas de Trauma de Campinas e Disciplina de Cirurgia do Trauma da Unicamp.

 

Leia tambem CASA DA CRIANÇA PARALÍTICA REALIZA 16ª FESTA JUNINA BENEFICENTE

 

“Vamos simular uma situação real, por isso, é importante o envolvimento de tantas equipes. A EMDEC, por exemplo, prepara toda a cena e é responsável por cuidar do trânsito para garantir o trabalho das equipes de resgate. A Polícia Militar e a Guarda Municipal precisam garantir a segurança das vítimas e dos profissionais que estão trabalhando. Antes do simulado, também é feito um amplo trabalho de preparação, inclusive, com comunicado para quem é da região”, afirma o diretor de Prevenção da SBAIT, Gustavo Pereira Fraga.

A montagem da cena vai começar às 19h e o acionamento das equipes envolvidas será às 20h. O trânsito no local será desviado.

 

Capovilla Comunicação