Bruna Linzmeyer, Kristen Stewart e Ellen Degeneres são algumas das mulheres que falam abertamente sobre sua sexualidade e inspiram outras a participarem da luta para acabar com o preconceito. Neste mês, celebramos o Dia do Orgulho LGBTQI+ (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e pessoas intersex), então aproveitando a deixa: veja como famosas lésbicas e bissexuais se assumiram.

Kristen Stewart

Foto: AFP

Foto: AFP

A atriz declarou em entrevista à Elle UK que quando começou a sair com meninas pensava: “Esconder isso implica na ideia de que não aceito ou tenho vergonha”. Então, ela decidiu mudar de ideia sobre como deveria se aproximar do assunto publicamente e desde que abriu sua vida, é muito mais feliz.

Ellen Degeneres

Foto: AFP

Foto: AFP

A apresentadora contou sobre sua sexualidade com uma conversa franca com sua mãe em 1978, quando tinha 20 anos de idade. No programa 20/20, ela contou que disse para a mãe que estava apaixonada. A mãe disse: “Isso é ótimo”. E Ellen respondeu, começando a chorar: “É por uma mulher, eu sou gay”.

Ellen Page

Foto: AFP

Foto: AFP

Convidada a discursar numa conferência para jovens homossexuais, em Las Vegas, ela aproveitou a ocasião para declarar que é lésbica.

A atriz, de 26 anos, começou falando sobre os padrões de moda e beleza estabelecidos na sociedade e, emocionada disse: “estou aqui hoje porque sou gay. E porque talvez possa fazer diferença”. Neste momento, Ellen foi aplaudida de pé pela plateia.

“Estou cansada de me esconder. Sofri durante anos por medo. Meu espírito sofreu, minha saúde mental sofreu e meus relacionamentos sofreram”, comentou.

Ruby Rose

Foto: AFP

Foto: AFP

A atriz de Orange is The New Black, contou no programa Today que sair do armário para sua mãe não foi exatamente uma surpresa. “Ela sabia quando eu tinha seis anos, aparentemente. Eu não conhecia mais ninguém que fosse gay ou lésbica. Então eu realmente não sabia como dizer isso. Então eu fiquei tipo, ‘Eu acho que deveria deixar você saber que quando eu eventualmente conseguir um namorado, eles serão uma menina’. E ela fez uma cara tipo ‘eu sei’ ”.

Bruna Linzmeyer

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A atriz conta que ser bi, ser lésbica, é uma parte do que ela é. “Eu tenho um trabalho e isso é também o que sou, aquilo em que eu acredito. Eu, uma menina-mulher de 24 anos tendo que lidar com coisas que estão no jornal, meu rosto numa revista. Isso parece normal às vezes, mas daqui de dentro desse corpinho é só assustador”, disse à TPM.